Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Quercus moderou evento paralelo sobre crescimento verde e reforma da fiscalidade verde

Sexta-feira, 12.12.14

debate_COP20_Quercus.jpg

A tarde de quinta-feira, dia 11 de dezembro, foi preenchida com múltiplas atividades, com destaque para o evento “Portugal – The Green Growth Commitment and the Green Taxation Reform”, promovido pelo Ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, Jorge Moreira da Silva.

A moderação foi feita por Francisco Ferreira da Quercus, e os intervenientes no painel foram Achim Steiner, diretor executivo do Programa das Nações Unidas para o Ambiente (PNUA), , Teresa Ribera, ex-Secretária de Estado do Ambiente de Espanha e atual diretora do Institute for Sustainable Development and International Relations (IDDRI), Yvo de Boer, ex-secretário executivo da UNFCCC e diretor do Global Green Growth Institute, e ainda Elina Bardram, em substituição de Jos Delbeke, diretor-geral da Ação Climática da Comissão Europeia.

O Ministro Jorge Moreira da Silva fez uma contextualização compromisso para o crescimento verde e da reforma da fiscalidade verde em Portugal, apresentando a filosofia e o processo de concretização das iniciativas. Achim Steiner referiu-se em particular às questões da economia verde e ao problema do desemprego, reconhecendo que o envolvimento de maior número de pessoas na discussão e intervenção num processo de crescimento verde se traduz numa maior eficiência.

Teresa Ribera falou da compatibilidade que há entre “Green” e “Growth”, assinalando a importância que os valores e o envolvimento da sociedade têm nesta perspetiva de crescimento mais amigo do ambiente. Yvo de Boer falou das relações entre a sustentabilidade e a inovação, a eficiência e o valor das marcas, aplicando-se este conceito de crescimento verde a empresas e a países. Porém, e referindo exemplos como a Colômbia, Ruanda e Etiópia, considerou que o crescimento verde é específico de cada país e é fundamental uma perspetiva de previsibilidade da políticas neste domínio.

Por último, Elina Bardram referiu a relação entre as recentes decisões na área do clima e a perspetiva de um crescimento mais verde na União Europeia. Foram colocadas várias perguntas pela audiência e pelo orador, principalmente dirigias ao Ministro do Ambiente, procurando esclarecer a condução do processo, a neutralidade fiscal, a compatibilização entre as receitas com as exportações do setor petrolífero e a aposta as energias renováveis e a durabilidade das reformas em curso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Quercus às 04:27





calendário

Dezembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031